Figueira

O lugar

Nos limites da propriedade do Mosteiro, uma enorme e centenária figueira deu vazão a mais um templo natural. A Figueira, santuário para orações, é uma área de referência dentro do Mosteiro para celebrações especiais.

Nesse espaço, são realizadas celebrações icônicas, e igualmente aguardadas pelos moradores da região, como a tradicional “Missa Cio da Terra” que acontece no último domingo do Tempo Comum – com manifestações de gratidão, doação, benevolência e amor. Adornada no mesmo estilo, os bancos são feitos em tocos de eucaliptos fixos ao chão de terra batida. É um convite que nos leva a contemplar a Mesa da Palavra e a Mesa da Eucaristia que são “abraçadas” pelos imensos galhos da figueira. Os vitrais característicos do Mosteiro também se encontram representados nesse sagrado ambiente. Deus está onde nosso coração o leva!

Missa do Cio da Terra

Para marcar o final do Ano Litúrgico, em solenidade a Jesus Cristo – Rei do Universo, o Mosteiro do Paraíso celebra a “Missa Cio da Terra”.  Uma expressão de louvor, gratidão e respeito por tudo o que se recebe da terra. Bênçãos de Deus sobre todas as coisas – momento aguardado pela comunidade rural e todos os fiéis que entendem a importância de ser grato. A Missa acontece todos os anos na Figueira, e toda a comunidade se comove no auxílio ao ritual que passa de geração em geração… Mães, avós, pais, filhos e famílias inteiras estão presentes para louvar ao Senhor.

Celebrações

As celebrações no Santuário da Figueira são momentos emocionantes durante o Ano Litúrgico. A Semana Santa, a Missa Cio da Terra, ou até mesmo a Oração do Terço Semanal, são circunstâncias marcantes realizadas ao ar livre, junto à paisagem igualmente feliz. A ocasião torna-se ainda mais especial e ganha pureza, por meio da paisagem natural proporcionada pela Figueira e seu entorno, quando pessoas sozinhas ou acompanhadas, peregrinos, grupos para oração e meditação, etc. buscam o silêncio e a paz que o lugar oferece para momentos de celebração, reflexão, pedidos e agradecimentos. O Santuário é verdadeiramente um cenário natural que nos convida a “enxergar” Deus!

Venha nos visitar!