Estamos em Passos-MG, para o casamento do Dr. Fauzer e Dra. Bruna, hoje às 17:30h na igreja Matriz Nosso Senhor dos Passos. 

Homilia do sagrado matrimônio de Fauzer  e Bruna

Fauzer e Bruna, Srs. Pais ,  Srs. Padrinhos

Familiares e amigos dos noivos,

Amados irmãos e irmãs em Nosso Senhor Jesus Cristo,

Nos reunimos hoje, diante de Deus, para celebrar a união sacrossanta de Fauzer e Bruna, pela qual surgirá uma nova família, Igreja doméstica, onde o casal, mediante o amor a Deus e de um ao outro, se santificará realizando-se plenamente.

Caros, Fauzer e Bruna, não fostes vós que escolhestes a Deus, pelo gesto de desejarem celebrar este matrimônio cristão e indissolúvel, foi antes opróprio Deus que vos escolheu, plantando nos vossos corações o amor verdadeiro que os trouxe hoje a esta celebração. Coube a vocês apenas dar uma resposta. Trata-sede uma relação estrita entre vocês e Deus. Nós todos, que estamos aqui somos apenas testemunhas do sim que vocês, livremente, querem dizer a Deus, dizendo um ao outro.

Tendo Deus criado o gênero humano, criou-o homem e mulher. Deus é comunhão, chamou-nos todos para a mesma comunhão. Não estamos no mundo para nós mesmos, mas vivemos como seres de relação. São os relacionamentos que fazem adinâmica da vida.

Noivos, nos seus planos inefáveis, quis Deus Nosso Senhor, instituir umrelacionamento por excelência, um maior entre todos os demais, que de tão sagrado garantiria a continuação da obra criadora: quis Deus o matrimônio. É por isso que dizer que Deus criou homem e mulher, significa afirmar que há uma complementaridade entre as diferenças de gênero, complementaridade que possibilita ao casal viver a excelência do amor. Deus, que é amor, reparte entre homem e mulher aquela totalidade que ele é e espera que eles, gratuitamente, se unam e vivam essa totalidade que só a comunhão total pode garantir. Vocês porquanto se amem e se respeitem, estando sempre unidos, serão a partir de hoje um reflexo do que Deus é, diante do mundo.

Saiam desta Igreja com a consciência de que vocês só perpetuarão o seu mor, se o praticarem como Jesus o praticou, isto é, ao preço da própria vida ea custa de muitos desafios. Não temam as dificuldades que virão, mas encontrem na união e no cultivo diário da amizade e do diálogo a força para superar as mazelas próprias da vida. E, seguindo o exemplo de seus pais, fundamentem a sua vida sob a proteção de Deus, da Virgem Maria a viverem a santidade e a ser sacrário vivo do amor de Deus.

Não devemos nos esquecer, também, das demais razões do matrimônio, que se somarão  a esta da completude dos noivos, que os tornam uma só carne. O matrimônio é o meio eficaz pelo qual Deus concede a vida aos seus filhos. Estejam sempre abertos para as outras vidas que surgirão do vosso amor. Atentem para o fato de que a santificação de um depende do outro e que, doravante, a preocupação de um deve ser a felicidade do outro.Abertos igualmente na proteção da vida humana pela profissão e vocação de médicos que abraçaram possam também mutuamente se alegrarem na defesa da vida das pessoas que estiverem sob seus cuidados.

Queridos Fauzer e Bruna, agradeço a alegria em participar deste momento único de vida, de santidade e de felicidade em suas vidas pela celebração do sacramento do Matrimônio de vocês junto de seus pais, familiares e amigos.  Pela proteção e intercessão da Santíssima Virgem Maria e São José, seu digníssimo esposo, Deus vos abençoe e vos guarde no amor, Pai e Filho e Espírito Santo.  Amém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *